sem título #1

o apartamento me parece totalmente novo.

está certo que não piso aqui há dois anos, mas percebo que nada mudou – talvez a posição do sofá mas, fora isso, todos os básicos permancem como os deixei. você também está diferente: tem uma barba cerrada agora, bem castanha e olhos doces e magoados.

observo a janela e a cidade continua a mesma. você se lembra dos bons tempos em que a cidade possuia arquitetos e dilettantes? astrólogos, bonecas infláveis? não se lembra?

até a memória mudou.

você me traz uma xícara de chá quente, pra espantar o frio. porém, não há frio algum- apenas chove, fazendo uma estufa de ar abafado. caem grossos pingos lá fora, numa sinfonia de gotas sonoras que quebram o silêncio da sala.

acompanham também, aqui dentro, gotas caladas.

essas caem dos seus olhos.

Advertisements

now, your turn!

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s